segunda-feira, 24 de março de 2008

Pessoas interessantes: guarde-as no coração

Não necessariamente adoro conhecer pessoas, mas adoro conhecer pessoas interessantes. Conhecê-las é como encontrar as chaves perdidas da gaveta onde guardamos coisas boas. Abro a gaveta, encontro memórias boas e crio impressões do que, mais adiante, serão boas memórias. O bom é sentir que se poderá disfrutar dessas pessoas interessantes por toda a vida. Claro, isso se elas me aguentarem. Mas elas aguentam. Pessoas interessantes são generosas e pacientes. Ainda que seus corações sejam imensos, seus cérebros lhes guiam dia e noite. São incansáveis e curiosas, mesmo tendo vivido o tempo de vários calendários. Trocar idéias com pessoas interessantes é azeitar as engrenagens da mente. E o melhor de tudo: pessoas interessantes nos respeitam justamente porque nos querem também interessantes.
"Querer-se livre é também desejar que os outros sejam livres."
(Simone de Beauvoir)

Um comentário:

Germano V. Xavier disse...

Também gosto de pessoas interessantes. E quase sempre, eu tenho isso para mim, qualquer pessoa que escreve é uma pessoa interessante.

Coisa minha.
Vai lá saber...

Mais um abraço!

Germano