quarta-feira, 5 de setembro de 2007

Comunicado Importante

Eu gostaria muito que as pessoas soubessem que:

1. Eu não sou uma fortaleza;
2. Eu sofro;
3. Eu me empolgo que nem criança;
4. Eu não tenho super poderes;
5. Eu canto junto com a música sozinha no carro;
6. Eu me acho incompetente;
7. Eu choro vendo comédia romântica;
8. Eu choro quando penso que meu cachorro vai morrer em breve;
9. Eu preciso de ajuda, porque não sou autosuficiente;
10. Eu me arrependo de algumas coisas, apesar de dizer que nunca me arrependo;
11. Eu gosto quando as pessoas se importam comigo, mesmo parecendo que não estou nem aí;
12. Eu tenho medo;
13. Eu me atiro de cabeça em tudo e, em algumas vezes, me quebro;
14. Eu não consigo controlar tudo que sinto (essa é das que mais dóem pra confessar);
15. Eu gosto de andar na beira do abismo, mas odeio a queda;
16. Eu erro;
17. Eu me sinto bem ajudando os outros;
18. Eu fico feliz com coisas insignificantes;
19. Eu tento melhorar coisas em mim e às vezes não consigo;
20. Eu tenho medo de que se eu não for a imagem da perfeição, ninguém gostará de mim.
21. Eu tenho muitos sonhos e tenho medo de não realizá-los;
22. Eu, às vezes, tenho vontade de deixar o coração em casa e só pegar quando precisar;
23. Eu luto arduamente conta as minhas vontades que poderão causar sofrimento aos outros;
24. Eu, de manhã, sou mal-humorada;
25. Eu tenho gastrite e duodenite, não como carne vermelh há dez anos e não bebo destilados;
26. Há cinco anos tento ler um determinado livro e não consigo terminar;
27. Eu li dezenas de livros nos últimos cinco anos para compensar a incompetência do item anterior;
28. Eu sofro por desagradar as pessoas;
29. Eu queria que as pessoas entendessem como minha mente funciona;
30. Eu tenho 30 anos e às vezes acho que tenho 18.

Pronto. Taí. Não foi nada fácil dizer essas coisas. Mas chegou o tempo desses pensmentos saírem de mim e irem pro mundo.

4 comentários:

Anônimo disse...

Como nos TODOS somos parecidos!! Com somente algumas coisas diferentes mas-fundamentalmente-iguais.Seres Humanos..racinha complicada do cacete.

E no meio de toda a nossa complexidade o que eu mais adoro ver eh a nossa "never ending" poesia.
Karenzica

tiozinho disse...

Oi Luciana!
Obrigado pela visita!
Volte sempre que quiser...

bjo pra ti

Rafael disse...

Que catarse, Hein?
Beijos!
Biff

André Vasques disse...

Lindo!
É por esse tipo de coisa que eu te admiro tanto!
Já te disse que te adoro?
Um beijo muito especial!
André