terça-feira, 24 de março de 2009

Releitura obrigatória

Estou relendo Raízes do Brasil, que ganhei de meu caro colega Dr. Luis. A edição que eu tinha, há anos emprestei sabe-se-lá a quem e, aquela coisa de sempre: foi-se.
Que maravilha de obra, sempre tão oportuna.

5 comentários:

Rafael Perfeito disse...

Você já viu um documentário sobre o Sérgio Buarque, que entra na casa dele, há depoimentos do Chico falando de quando o pai se trancava no quarto, do medo de quebrar algo lá dentro, do fascínio dos livros?
Procure.
É muito bacana.
Gostei do blog.
Volto outras vezes.

Gosto disso aqui. É que nem entrar num pub onde não se tem ideia de que banda irá tocar.

Luciana F. disse...

Olá Rafael, obrigada pela visita! Não conheço o documentário. Vou procurar sim! Valeu a dica! Abraço!

Márcio Almeida Júnior disse...

Dra. Há dias, lembrei-me de uma indicação de leitura que talvez a agrade. Trata-se do ensaio "O Novo Irracionalismo Brasileiro", de Sérgio Paulo Rouanet. Tentarei localizá-lo e enviá-lo. Quanto a "Raízes do Brasil", é um grande clássico na tentativa de interpretar nossa sociedade. Já li e considerei uma boa leitura. E uma boa dica.

Luciana F. disse...

Márcio, não conheço a obra! Mande, sim, que lerei! Soa interessantíssimo. Abraço!

BAR DO BARDO disse...

dos intelectuais só podem furtar uma coisa - livro. é o preço que se paga...

com ou sem raízes, foi-se.