terça-feira, 27 de novembro de 2007

Momento buscopan

Sabe aquelas pessoas que somatizam tudo? Que um stress já desencadeia a gastrite, alguma contratura muscular (preferencialmente no trapézio) ou alguma reação alérgica? Sabe aquelas? Então, outro dia eu consultei um dermato de emergência porque acordei com a boca da Angelina Jolie. Pensei nisso agora, porque acabo de fazer meu lanche habitual e a impressão que eu tenho é que tem um pessoal lutando jiu-jitsu no meu estômago. E não comi nada de diferente do que normalmente não me faz mal. O que é a cabeça da pessoa, não é?! Somatizar é surtar pra dentro. É como se dentro dos limites do corpo ocorresse uma revolução armada. Por fora, tudo bem, continuo linda e loira. Só dá pra ver pelos olhos, que não mentem nunca. Mas isso é só pra quem sabe me ler.

8 comentários:

Denken disse...

Dado que começou dentro de mim um campeonato mundial de jiu-jitsu estomacal ontem, me solidarizo!

Luciana F. disse...

ah, obrigada...se souber de alguma fórmula mágica para não somatizar, me mande, me venda, me empreste, fazemos qualquer negócio...rsrsrs

Anônimo disse...

Sorria!
Amanhã será pior!
;)
bjs
Biff

Edgar disse...

Lu!!! O negócio é que os nossos stress vão para algum lugar.....acho que tens a opção de soltar o verbo e relax.... Eu falo por que sou como você, o primeiro lugar que me detona é o estômago!!! O problema é que sempre temos que nos controlar.....nos segurar para não sairmos da nossa diplomacia.... Bah....agora já nem sei mais se tou falando para você ou para mim mesmo!!!! Hahahahaha!!!!! Beijos!!!!!

Luciana F. disse...

ed, o bom de escrever é isso mesmo, é "auto-ajuda" mesmo!!!hehehe...bjos

Anônimo disse...

Meditation my friend, ate parece que vc nao sabe disso, que precisa que eu te diga...se ha guerras internas, pacifica neh fofis. Deep breathing, relaxation, daily, religiously every single day...
beijo
kaka

André Cardoso Vasques disse...

A parte que eu mais gostei foi que por fora continuo "linda e loira". Adoro esse estilo, digamos, modesto.
Bjs.
André.

André Cardoso Vasques disse...
Este comentário foi removido pelo autor.